Minha casa, Minha cara

Mais importante programa de organização da TV brasileira, o Santa Ajuda completa 7 anos neste mês. E comemora, também, 3 anos de parceria com a MMM.

Micaela Góes

Por: Micaela Góes Fotos: Arquivo pessoal

Minha primeira visita à MMM, em 2015. O tempo passa… 😊
Eu e o Ronald Heinrichs, dono da Meu Móvel de Madeira, no lançamento da linha de móveis Setorize, que desenvolvi para a MMM em parceria com o Estúdio Baobá.

Desde 2011, julho é um mês muito feliz para mim. Foi nesse ano, mais precisamente em 7/7, que o Santa Ajuda foi ao ar pela primeira vez, um programa de 15 minutos que marcava a aposta do canal GNT no tema organização da casa. Os episódios eram curtos e a gente gravava tudo num único dia, então só havia a possibilidade de dar dicas simples.

Mas o Santa Ajuda foi conquistando público e, consequentemente, ganhou mais tempo na grade de programação (passou para 30 minutos em 2013) e incrementos nos episódios, como a participação ora de um microbiologista, ora de um faz tudo.

Minha primeira visita à MMM, em 2015. O tempo passa… 😊

Até que no início de 2015 eu tive um primeiro contato com a Meu Móvel de Madeira, por causa de um móvel deles que ficava perfeito em uma cozinha que a gente estava transformando. Depois disso, no meio do ano, a MMM montou uma casinha em um container de 27 m² durante um evento em Florianópolis e me convidou para dar uma palestra na inauguração. Era a Casa MMM 404, só com móveis da marca. Absolutamente completa, muito funcional – dava para morar ali! E foi nessa ocasião que conheci o Ronald e a Kathlen, os donos da empresa. Nós nos aproximamos e, por fim, formalizamos uma parceria entre o Santa Ajuda e a MMM.

Quarto da Carla e do Tiago transformado pelo Santa Ajuda em 2017 com Estante e Escrivaninha Duna, além de Gaveteiro Delta, todos da MMM.

Essa parceria mudou a minha forma de pensar os projetos, que ficaram mais grandiosos. Porque antes eu já estava percebendo que quando a gente só promovia mudanças mais pontuais, dentro de um armário, por exemplo, às vezes o resultado da organização não aparecia tanto.

Varanda da Fernanda Paes Leme, com Jardim Vertical Capri, Mesa de Centro Ripado e Banco Recanto, da MMM.

Quando tive o apoio da MMM, pude substituir um sofá que não combinava, uma mesa que era grande demais, uma cama comum por outra com gavetas e sapateira, perfeita para a organização do quarto. E chegamos a um ponto que, se necessário, eu mudo integralmente o ambiente, coloco tudo novo. Como aconteceu na varanda da Fê Paes Leme, na última temporada, dedicada a transformações nas casas dos colegas do GNT. A parceria com a MMM representou uma mudança de status dos projetos, o que contribuiu para que os episódios crescessem de 30 para 60 minutos no início de 2017. E isso é muito legal!

Agora que o programa inicia uma temporada em 07/08, estou cheia de expectativas para torná-lo ainda mais útil e motivador. E a MMM segue com a gente! Ajudando o Santa Ajuda (com o perdão do trocadilho!) a colocar de pé as minhas ideias. Que venha mais um ano de Santa Ajuda e MMM juntos!

Beijos,
Mica ♥

Já conhece o blog da Micaela? Espie aqui!

Deixe seu comentário ;)