Psiu! O blog está lento? Clique aqui :)

Minha casa, Minha cara

Como a roupa de cama influencia na sua saúde

Fronhas e lençóis podem estar repletos de ácaros, que desencadeiam alergias respiratórias, atrapalhando a sua qualidade de vida e o seu sono

Guest post: Sterilair | Fotos: MMM – Reprodução

Como estão as suas noites de sono? Se você não anda dormindo muito bem, a causa pode estar bem na sua cama: os seus lençóis! Eles podem estar prejudicando a sua saúde sem que você sequer desconfie.

Ao deixar de lado a limpeza da roupa de cama, você abre a porta para alguns hóspedes indesejados. Os ácaros! Esses seres minúsculos se alimentam de restos de pele, unhas e cabelos, portanto, os seus lençóis são um prato cheio para eles. Eles também podem causar alergias respiratórias, como a rinite e a asma.

E a situação piora na hora de dormir! Pois, dessa forma, você estará deitando sobre lençóis repletos de ácaros que agravam os sintomas.

Além disso, pessoas que não arrumam a cama são mais ansiosas. Isso mesmo: a desorganização pode causar ansiedade. Que, além de tornar a rotina mais demorada, também traz sintomas físicos – tais como, falta de ar, dor no peito, palpitações -, e psicológicos: nervosismo, medo, preocupação. Impedindo, assim, uma boa noite de sono.

Neste post, você pode espiar algumas dicas de como arrumar a cama para um sono mais gostoso!

Cuidados com a sua roupa de cama

Para que fronhas e lençóis cumpram a função de ajudar você a dormir melhor e ter um bom dia, é preciso adotar alguns cuidados. Confira se você já pratica todos eles:

Trocar a roupa de cama

 

A periodicidade ideal para a troca da roupa de cama é uma vez por semana. No entanto, existem exceções.

Se você sofre com as alergias respiratórias, a troca deve ser feita de duas a três vezes por semana. Isso evita o surgimento e ajuda no controle das crises alérgicas.

 

Se a roupa de cama estiver molhada ao acordar devido ao suor do corpo, faça a troca imediatamente. A umidade aumenta a proliferação de ácaros e propicia o surgimento de mofo.

Lavar a roupa de cama

A cada troca, a roupa de cama deve ser lavada, preferencialmente na máquina de lavar.

Ao menos uma vez por mês, deixe as fronhas e os lençóis de molho em uma mistura de água quente, suco de limão e vinagre branco antes de lavar. A mistura ajuda a eliminar os micro-organismos nocivos para a saúde.

Para secar, estenda a roupa de cama sob o sol, em um local arejado e livre da umidade.

Armazenar a roupa de cama corretamente

Após a secagem completa, você deve guardar a roupa de cama limpa.

Coloque-a em sacos de tecido e armazene no armário, em um espaço onde só haja as roupas de cama.

Lembre-se que o armário não pode conter umidade nem mofo. Para evitar, espalhe giz de lousa ou produtos antimofo na parte interna. Se for preciso, faça a remoção do problema antes de guardar as peças limpas.

Arrumar a cama

Ao cobrir a sua roupa de cama com uma colcha ou um edredom, você evita que ácaros e poeiras atinjam fronhas e lençóis.

Uma cama arrumada também impacta positivamente no seu humor, na sua produtividade durante o dia, na sua percepção de mundo e no seu sono, além de ser um antídoto contra a ansiedade.

Use protetores de colchão

Adquira uma capa protetora para o seu colchão. Composta de um material impermeável, a capa fica embaixo do lençol e evita a passagem de poeira, líquidos e ácaros enquanto você dorme.

Evite águas perfumadas

Embora deixem um odor delicioso nos lençóis e ajudem a relaxar após um longo dia, você deve evitar borrifar águas perfumadas diretamente sobre a roupa de cama.

Se a prática for feita com muita frequência, o ambiente ficará úmido e, portanto, favorável para os ácaros e também para os fungos.

Não coma sobre a cama

Se você tem o hábito de fazer suas refeições ou comer alguns lanches na cama, é melhor parar.

Os restos de comida que caem sobre os lençóis incomodam, prejudicando o seu sono, e também atraem pragas como baratas e ratos.

Já os líquidos, como água, chá e cafés, se derrubados nos lençóis, deixam o ambiente úmido, ideal para ácaros e mofo. Se isso acontecer, faça a troca imediatamente e use um papel absorvente para secar o colchão.

Não deixar os pets subirem na cama

Muitos tutores de animais de estimação adoram dormir junto com eles ou então permitem que eles passem o dia na cama. Esse hábito pode contribuir para as alergias respiratórias.

Os pelos dos animais domésticos também estão repletos de ácaros, e podem conter, ainda, pulgas e carrapatos que causam outras doenças nos seres humanos.

Purifique o ambiente

Ao sacudir os lençóis ou o travesseiro durante a arrumação da cama, você está liberando no ambiente uma série de micro-organismos e poeira que podem prejudicar a sua saúde.

Use um purificador de ar para fazer a remoção de todas as impurezas, evitando, assim, que elas retornem para a sua roupa de cama e também que fiquem em suspensão no ar.

Post feito em colaboração com o site Sterilar.
1 2 3 392

Sala com varanda gourmet

Desde o surgimento da ideia de acoplar a sala e o espacinho da sacada, nós comentamos o quanto isso pode…