Minha casa, Minha cara

Saiba como se sair bem na integração desses ambientes!

Cristiane Teixeira

Por: Cristiane Teixeira Fotos: Divulgação

sala e cozinha integradas

Quem comprou apartamento em construção nos últimos anos ou está à procura de um lançamento, já notou: quase nunca há parede entre a sala e a cozinha. Ou quando ela existe, a construtora a coloca como opcional.

Estou falando basicamente de plantas com até 65 m² de área útil. Em maio de 2017, elas correspondiam a 68% dos imóveis novos em oferta na cidade de São Paulo, segundo a Embraesp (Empresa Brasileira de Estudos de Patrimônio). Como imóveis novos, entenda que são aqueles lançados a partir de 2014. Aliás, quer aprender um pouco sobre a decoração das salas pequenas? Clique aqui

Se ter a cozinha aberta para a sala virou moda, isso se deve em muito ao encolhimento dos apartamentos. Quando integrados, cômodos pequenos parecem maiores. Mas se você tem a cozinha separada e pequena mesmo assim, vem dar uma espiada nessas inspirações que a Meu Móvel de Madeira preparou pra você!

Para que o visual da sala não saia perdendo, o negócio é promover a cozinha como área social. Pra isso, é só seguir três regrinhas que são muito anteriores a não deixar louça suja na pia. Foi o que fizeram as sócias do escritório Très Arquitetura ao decorar este apartamento 57 m² para uma construtora em Guarulhos, SP. Neste projeto, até a varandinha uniu-se à área interna a fim de fazer o espaço render mais.

Vamos ver?

Detalhe da parede da cozinha da sala de jantar de apartamento decorado

 

Regra nº 1: fuja de revestimentos que tenham cara de áreas molhadas

Quando a gente fala em azulejo, logo se lembra de cozinhas, banheiros e lavanderias, não é mesmo? Por isso evite esse tipo de produto quando sala e cozinha formam um ambiente único.

Pensando nisso, as arquitetas forraram o único trecho livre de armários na parede da cozinha com um tijolinho branco perfeito para ambientes sociais. Simulando tábuas de madeira, o piso é do tipo vinílico, indicado para salas e quartos, mas também adequado à cozinha se for tomado um cuidado básico no dia a dia: só limpar com pano úmido, nunca jogando água.

piso vinilico em apartamento

Regra nº 2: utilize os mesmos materiais e cores em toda a área

Instalados acima da bancada da pia, os tijolinhos para revestimento Aspen (Brick Studio) se repetem na parede principal, de 5,70 m, a qual se estende da sala à cozinha.

A marcenaria comunga dos mesmos acabamentos na estante, no balcão e nos armários. Um padrão amadeirado e outro em tom cappuccino. E o granito da bancada vai na mesma linha, não sobressaindo em meio ao conjunto harmonioso.

Agora, observe a foto que mostra a cozinha em primeiro plano e a área de serviço ao fundo: não são apenas a divisória e a porta de alumínio e vidro que mantêm esses cômodos separados. Mas também os acabamentos e as cores diferentes. Viu como a uniformidade no visual faz a gente identificar a cozinha com a sala e não com a lavanderia?

sala e cozinha conjugadas com o mesmo acabamento que nao se confundem com a lavanderia

Regra nº 3: capriche no visual dos eletrodomésticos da cozinha

Escolha um mesmo padrão para fogão, geladeira e outros equipamentos que fiquem expostos. O aço inox ou escovado é o mais elegante e, ao mesmo tempo, menos chamativo.

Para o espaço parecer e ser maior

cozinha e sala conjugadasplanta de apartamento pequeno

Outras iniciativas das arquitetas dos Très Arquitetura colaboraram para o ambiente integrado de 21 m² ser visual e funcionalmente mais confortável. Confira:

– Eliminar a porta da varanda: dessa forma, a poltroninha não atrapalha a circulação e acomoda mais uma pessoa.

– Banquinhos: eles são dublês de assento e mesinha. Compactos, não comprometem a passagem como uma mesa de centro faria.

sala com varanda sem porta e bancos fazendo as vezes de mesa

– Sofá e estante com profundidades mínimas: isso é importante para liberar o máximo de espaço entre esses móveis – aqui é 1,15 m. O sofá tem 90 cm de profundidade e a estante, 28 cm.  

– Mesinha de encaixe: ela se ajusta ao formato do sofá e é útil para apoiar um copo ou o notebook.

detalhe da sala de jantar do conjugadosofá com mesinha de encaixe para computador

 

 

 

 

 

 

 

 

– Mesa de jantar retangular encostada no balcão: colocada de comprido, ela pede menos espaço na passagem entre a porta do apartamento e o corredor dos quartos. Quando necessário, a mesa pode ser afastada e acomodar mais duas pessoas nas cabeceira. E é para isso servem os versáteis banquinhos. Repare que as cadeiras, assim como o restante do mobiliário, são estreitas.

– Balcão raso, mas aproveitado: ele oferece um nicho para o micro-ondas e outros utensílios que vão à mesa. A parte inferior tem gavetas.  

– Espelho: ele duplica visualmente a sala e a cozinha.

– Prateleira e suporte acima da pia: juntos, os dois recursos deixam à mão colheres de pau, vidros de azeite e potes de mantimentos.

– Tijolinhos e canaleta para quadros: por serem horizontais, esses elementos reforçam o comprimento da parede principal, fazendo a sala parecer mais longa.

detalhe das prateleiras com canaletas para quadros

Gostou das ideias? Qual a sua dúvida? Escreve pra mim! 

Beijão!

 

Comentários não estão permitidos.