Minha casa, Minha cara

Todo mundo já sabe que as plantas estão super em alta na decoração de interiores, e que, por hora, a samambaia está na moda. Mas, dizer que o reinado das suculentas acabou, é injustiça.

Carol Tusi

Por: Tusi Fotos: The Urban Hippie | Cultivo da Horta | Bit Square | The Kitchn | Como Fazer | Small World Land

Nós já falamos sobre decorar com plantas artificiais e plantas ideias para quem tem pets em casa. E hoje chegou a vez de falar sobre as amadas suculentas! As verdinhas são as mais democráticas da decoração, e não devem sair de cena tão cedo. Além de lindas, são super fáceis de cuidar. Pouca água e luz natural é tudo que as suculentas precisam para sobreviver.

As espécies são muitas, e quem entra nesse mundo, sabe que é praticamente um vício. É quase impossível resistir a uma mudinha diferente. Você começa comprando um vasinho no mercado, e quando vê, tá pesquisando outras espécies, como fazer mudas, e entrando em grupos de troca nas redes sociais. A partir daí, a coisa fica séria e pode começar a faltar vaso pra fazer e cultivar suas mudinhas! Por isso hoje, eu trago 4 ideias de como reaproveitar materiais para fazer seu berçário de suculentas! E tem mais: cultivando elas do jeito certinho, como já mostramos nesse post, elas podem ficar no tamanho baby e fofo por MMMuito tempo!

1 – Suculentas em cápsulas de café

Quem tem uma máquina de café em cápsulas em casa, já deve ter percebido que a cada cafezinho tomado, uma cápsula vai para o lixo, e que isso não é nada legal para o meio ambiente.

suculentas em cápsulas de Nespresso.

Se pesquisar na internet você encontra várias maneiras de reaproveitar essas cápsulas: há quem faça bijouterias e cordões luminosos para decoração, mas, a minha reutilização preferida, é a de vasinho para suculentas! Depois de tomar seu café, basta você abrir a cápsula, limpar bem, colocar um pouco de terra, uma folha de suculenta para fazer a muda, e ver a mágica acontecer! Dentro de um tempo, uma suculentinha irá nascer e você terá um mini vasinho fofo!

2 – Suculenta em casca ou caixa de ovos

Essa é uma dica que você pode aproveitar de 2 maneiras: plantá-las direto na caixa de ovos, ou, se tiver mais paciência, na própria casca! Se for plantar direto na caixa, e quiser utilizá-la para decoração, e não só como berçário, fica mais delicado pegar uma caixa com 6 unidades, ou cortar a de 12 unidades ao meio!

suculenta em caixa de ovo

Se preferir cultivá-las na casca do ovo, é só quebrá-la com cuidado para conservar metade da casca, lavar muito bem (devido ao cheiro que pode ficar) e realizar o plantio. Vale lembrar que a base do ovo é redonda, e você precisa achar uma forma de deixá-los em pé. Pode ser na própria caixinha, ou colando o fundo do ovo com cola de silicone em um a base de sua preferência.

suculenta em casca de ovo

3 – Suculenta em rolha de vinho

A ideia aqui é utilizar os mini vasinhos como ímãs de geladeira. Você pode utilizar as rolhas tanto na vertical, quanto na horizontal. Basta cavocá-las com uma faquinha ou canivete, colar um pedacinho de ímã, e depois plantar a suculenta. Se você não quiser esperar a mudinha crescer, uma dica é cortar uma pontinha das suculentas que você já tem, e cravar na terra. Elas enraízam super rápido!

Plantinhas suculentas plantadas em rolhas e feitas de imãs de geladeira

4 – Suculenta em dedal

Esse é o menor dos vasinhos! Sabe aqueles dedais de costura? Basta colocar terra, e plantar sua suculentinha baby. Se o dedal for antigo, e você tiver mais de um, fica ainda mais charmoso, e você encontra eles facilmente em antiquários!

Gostou das dicas e tem outras ideias? Deixa um comentário e manda uma foto pra gente! AmaMMMos quando você participam. Esse assunto de reaproveitamento de materiais me fez lembrar de um artista muito peculiar aqui de Curitiba, chamado Hélio Leites, que faz um trabalho lindo com objetos que encontra por aí. Mas, isso já é assunto para o próximo post! Até lá! smile

Fotos: The Urban Hippie | Cultivo da Horta | Bit SquareThe Kitchn | Como Fazer | Small World Land

Sobre a autora:
Tusi é apaixonada por decoração e, por isso, é uma das responsáveis por cuidar da Casa MMM, em Curitiba. Mas nem só de decoração ela entende!  Formada em design, gaúcha de Santigo e Santa Maria (porque a cidade do coração também conta!), ela AMA o sol e é apaixonada por gatinhos.

Comentários não estão permitidos.