Minha casa, Minha cara

Da forma como foi projetada e construída, ela será ampliada sem dificuldades e se tornará a casa suspensa sonhada pelos proprietários

Cristiane Teixeira

Por: Cristiane Teixeira Fotos: FCH Fotografia

O clima na cidade de Santa Catarina, no nordeste mexicano, é seco, como bem se percebe pelas fotos. Entretanto, há momentos em que a umidade visita a região. É quando a água corre volumosa pela depressão que marca este terreno em plena cadeia montanhosa.

Para não perder nada dos diferentes espetáculos proporcionados pela natureza, um casal decidiu que era ali, a poucos metros do acesso à depressão, que faria sua casa de fim de semana.

Hoje ela tem apenas 84 m², o tamanho que coube no bolso dos proprietários. Mas um dia poderá ser estendida, transformando-se na casa suspensa por eles imaginada, com vistas ainda mais diversificadas.

Quem idealizou o projeto dos sonhos e também a versão possível foi o arquiteto David Pedroza Castañeda. A proposta que foi construída conta com dois pequenos volumes – erguidos em diferentes níveis –, que se sobrepõem parcialmente.

No maior, em cima, aquela que seria a suíte principal funciona como sala, cozinha e banheiro.

Semienterrado, o bloco de baixo atualmente configura as dependências do casal, porém servirá como suíte de hóspedes no futuro.  

São os vários terraços que fazem a construção parecer maior. O mais alto, com acesso por uma escada externa, fica sobre o módulo social e é de onde a vista se revela mais impressionante.

O estar também tem o seu mirante, sobre a extremidade do quarto.

A suíte conta com outro terraço, coberto pela sala de jantar em balanço (não se apoia nem no chão nem no bloco inferior). É quase um pátio, envolvido como está por algumas paredes. E ainda desfruta da proximidade de um enorme pinheiro e da vizinhança dos cedros.

O quarto terraço, descoberto, ocupa a outra lateral da suíte, de onde parte a escada para a garagem e a sala.

Tão simples e neutros quanto as formas da casa são os seus materiais: cimento, concreto e pedras tiradas do local. “A materialidade sóbria e pura dos interiores e exteriores sublinha a beleza da paisagem e faz com que ela seja protagonista dos espaços”, diz o arquiteto em seu texto sobre o projeto. Alguém discorda?!

Da arquitetura para a decoração

Uma casa pensada para crescer para os lados me remete de imediato a móveis extensíveis ou modulares. Então são eles que orientam a seleção de hoje.

Oppa

Que tal ir montando sua estante aos poucos, conforme sua necessidade e disponibilidade financeira? Usando os Módulos Box isso é fácil, pois são muitos os modelos e cores, todos componíveis.

No ambiente da foto, foram usados os seguintes itens:

  • 60 x 37 cm – com portas, nas versões Trigo (com portas brancas) e Amêndoa com Grafite.
  • 60 x 37 cm – com gavetas, na versão Amêndoa com Grafite
  • 60 x 37 cm – vazado, na versão Grafite
  • Adega, nas versões Trigo e Amêndoa
  • 30 x 37 cm, na versão Amêndoa

Entre os versáteis estofados modulares da marca, escolhi o Modus, bem quadradão e com braços alinhados ao encosto. A variedade de módulos permite diversas combinações.

Para quem dispõe de pouco espaço, mas precisa estar preparado para receber um hóspede, a dica é o Sofá-Cama Liberdade. Ele soma uma base articulável de madeira e um futon que, aberto, fica com 1,91 x 1,30 m.

A Bicama-Sofá Juqueí é, na minha opinião, ideal para quartos de bebê. De dia, funciona como sofá. De noite, tanto pode se transformar em cama de casal – basta acionar os pés do módulo inferior – como em duas camas de solteiro, uma mais alta e outra mais baixa.

Quem mora sozinho encontra na Mesa Extensível Pipa uma solução compacta para o dia a dia, já que ela mede 50 x 70 cm. Mas se houver um convidado, basta desdobrar o tampo, que fica com 100 x 70 cm.

Famílias precisam de mesas um pouco maiores, como a Mesa Extensível Juriti. Quando aberto, o tampo passa de 1,39 m para 1,89 m.

Meu Móvel de Madeira

O Sofá-Cama Sono é pura praticidade: para abri-lo, basta forçar o encosto para trás. Assim garante-se uma cama de 1,96 x 1,30 m.

O tamanho da Escrivaninha Extensível UP às necessidades e ao espaço disponível. Sua largura mínima é de 80 cm e a máxima, quando se puxa o tampo, 120 cm.  

Sempre cabe mais um à mesa, principalmente na Mesa de Jantar Extensível Euro. Com 1,20 m de largura, ela inclui dois extensores, o que permite aumentá-la de um único lado (ficando com 1,60 m) ou dos dois (2 m).

Você quer uma mesa extensível, mas precisa que ela seja redonda? Então opte pela Tea, que cresce de 1,15 m de largura para 1,55 m.

Comentários não estão permitidos.