Minha casa, Minha cara

Ter um cachorro ou gato em casa é um amor sem tamanho, né? Os bichinhos fazem uma diferença enorme na vida da gente, verdadeiros companheiros peludos que alegram nosso dia a dia apenas com um abano de rabo ou um ronronar inesperado. Mas junto com a decisão de ter um pet dentro de casa, vem as dúvidas de como manter um lar visualmente bonito e organizado com a presença deles.

(Via)

Para isso é extremamente importante que antes de tudo você conheça direitinho todas as características do animalzinho que você trouxe para dentro de casa. Ficar por dentro dos hábitos de cada raça já é de grande ajuda para saber como você deverá agir com ele. Depois vem a parte da decoração, junto com as buscas por materiais mais resistentes e opções que consigam alinhar a sua vontade de ter uma casa bonita com seu amor pelo animalzinho.

(Via)

Gatos arranham sofás, isso é fato. Faz parte do instinto deles e, mesmo que você compre brinquedinhos, eles podem vir a atacar o seu móvel. Para que o estrago não seja grande, uma boa alternativa é escolher tecidos mais resistentes de trama fechada para os sofás, como a camurça sintética, lona e o veludo cotelê. Isso aumentará a vida útil do seu móvel e deixará sua casa mais bonita por mais tempo – mas não esqueça dos arranhadores a venda em Pet Shops, sempre indispensáveis para os gatos.

(Via)

Na hora de criar o seu jardim ou de decorar a casa com vasos, tome cuidado para escolher plantas não tóxicas. Pode ser que os animais mastiguem algumas folhagens e você não vai querer que seu bichano tenha alguma espécie de irritação ou intoxicação. A Lantana, a Azaleia e a Comigo-Ninguém-Pode são plantas que devem ser evitadas. Outra saída interessante é investir em jardins verticais que ficam fixos à parede, longe do alcance dos seus pets.

(Jardim Vertical Girassol da Meu Móvel de Madeira)

Gatos adoram ficar próximos às janelas conferindo o movimento, por isso não deixe de instalar telas nas varandas e janelas. Assim você evita com que eles fujam ou sofram quedas. Tirar objetos delicados das estantes também pode ser uma prevenção certeira, já que eles amam escalar e ficar em grandes alturas.

(Via)

Ensine o seu cãozinho a respeitar os limites da casa, mostrando o lugar certo de fazer necessidades e oferecendo vários brinquedos para que ele deixe de morder seus móveis. No começo é bem provável que você tenha que lidar com controles remotos, chinelos e outros itens mordidos, mas depois que ele entrar no ritmo da casa você terá sossego – e mmmuito amor. heart

(Via)

Gostaram das dicas? Se você tem um animalzinho em casa, não deixe de compartilhar com a gente truques próprios para deixar seu lar em harmonia com os bichanos.

Deixe seu comentário ;)