Minha casa, Minha cara

Já reparou que hoje na decoração tudo parece se resolver com um tiquinho de cola, uma boa ideia e um tecido, papel de presente, adesivo ou papel contact? E não é muito difícil colocar essa teoria à prova: basta sair perambulando pela internet para esbarrar com uma infinidade de exemplos. Eles são inegavelmente imbatíveis, especialistas em soluções simples e incríveis, daquelas de fazer cair o queixo.

Na Série MMM de postagens que começa hoje, vamos mostrar algumas saídas bem legais feitas com estes materiais citados acima, para que você possa se inspirar a criar um espaço único na sua casa. Um convite para você sair do comodismo e mudar, mudar e mudar de novo sempre que possível. smile

Na parede

Papel de presente é bem fácil de encontrar, né? Fora que grande parte das pessoas acaba sempre tendo algumas folhas em casa para embrulhar presentes de última hora. Então uma boa saída para quem quer dar um tapinha em algum ambiente sem gastar muito com isso, é reaproveitar os papéis de presente que estão dando sopa na gaveta para montar um lindo patchwork na parede:

(Casa de Colorir)

Vai dizer que não fica incrível? heart E é tão fácil de fazer, que dá até gosto de compartilhar. O vídeo abaixo explica bem direitinho como ela foi feita, mas a gente dá uma diquinha a mais: cuidado na hora de tirar as bolhas dos papéis. A gente sabe que rola uma ansiedade doida e a vontade de colocar a mão, mas evite. O papel pode borrar/rasgar e você vai estragar todo o trabalho. Olha só:

Se você quiser algo mais uniforme e fazer uma montagem que imite papel de parede, basta comprar vários rolos de uma só estampa. Este da foto abaixo foi usado em folhas de 70x50cm coladas e envernizadas com verniz fosco. Esse acabamento é essencial para a durabilidade da invencionice e para você poder limpar a parede com pano úmido sem medo. O custo da brincadeira? Apenas R$15.

(Casa.abril)

O papel contact é outro melhor amigo das transformações baratas que você encontra na papelaria perto de casa. Para usá-lo na decoração o macete é: criatividade + capricho e amor pelo seu cantinho. O morador da foto abaixo estava desanimado com os azulejos danificados da cozinha e, como o apê era alugado, não rolava uma reforma. Diante do desafio ele fez do limão uma limonada: cortou o papel contact do tamanho certo para cobrir os furinhos e ainda fez uma graça na decor.

(Casa.abril)

E adivinha se colar tecido nas paredes não é o mesmo processo de colar papel de presente do vídeo lá de cima? O mesmíssimo. Só alguns cuidados na hora de escolher o tecido: meça a parede escolhida antes para comprar o tanto de tecido necessário. Também procure algum que não seja fino demais, nem grosso demais, para que ele encaixe direitinho e fique com um caimento legal. De resto, só alegria:

(April84)

E aí, gostou? Não deixe de acompanhar as próximas postagens da Série!