Minha casa, Minha cara

Ter uma horta em casa pode fazer parte da realidade de qualquer pessoa, basta querer. Afinal de contas, é possível cultivar hortaliças, temperos e pequenas flores em uma casa ou em um apartamento. Não importa a quantidade de espaço que você dispõe: sabendo utilizar os recursos certos, é possível criar uma hortinha bonita e saudável em qualquer ambiente, desde que você tenha vontade e dedicação.

As vantagens de ter uma horta em casa são diversas. Uma delas são o conforto e a delícia de poder colher hortaliças fresquinhas, como alface, rúcula, couve e cebolinha diretamente do quintal de casa. Também é ter uma alimentação mais saudável consumir verduras que foram cultivadas cuidadosamente por alguém que você confia: você mesma. Como se não bastasse tudo isso, mexer na terra também é terapêutico: o tempo gasto com os cuidados com as plantas te fará relaxar e descansar a mente.

Elas são ótimas para a saúde e para os olhos: quando bem organizadas, conseguem decorar o jardim como ninguém e entram em plena harmonia com o restante das flores.

Para montar uma hortinha em casa, você poderá utilizar algum espaço do seu quintal, de preferência uma parte que esteja em contato direto com o sol. Ela deverá ser confeccionada em um lugar plano, delimitado por muretinhas, pedras ou cerquinhas de madeira. Você poderá fazer o cultivo das hortaliças na própria terra do jardim, com os torrões desmanchados e a terra preparada com adubo. Essa será sua hortinha horizontal no quintal de casa.

Ou então poderá fazer o plantio das hortaliças em vasos, usando brita no fundo para ajudar na drenagem da água da chuva. Lembre-se de que a terra não deverá ficar encharcada, pois pode causar o apodrecimento da raiz da planta. Acima das pedrinhas, é só colocar um pouco de areia e do substrato preparado. Clique aqui para saber o que adicionar no adubo!

Para espaços reduzidos, a horta vertical é a melhor pedida. Bonita e adaptável em qualquer canto da casa ou do apartamento, ela suporta plantas de pequeno porte e pode ser feita de vários materiais, até mesmo, de garrafa PET.

Ao instalar a horta vertical, prefira um local bem iluminado: próximo a janela ou a varanda do apê. A terra deverá ser preparada com matéria orgânica, nitrogênio, fósforo e potássio e as plantas escolhidas deverão ser aquelas com raízes mais curtas.

Tais hortinhas, além de fornecerem consumo sustentável, também são ótimas, pois reabsorvem uma boa quantia da água da chuva, o que impede os alagamentos.

E você, já tentou fazer a sua em casa?

Deixe seu comentário ;)