Minha casa, Minha cara

Harmonia das cores: Harmonia por contraste

 

Depois de conhecer todas as cores e suas divisões, significados e tudo o que cada uma delas transmite para determinados ambientes, vamos pular para a parte da harmonia. Afinal de contas, é a parte que mais nos interessa: saber como combinar de forma equilibrada a enorme paleta de cores que temos à nossa disposição.

No post anterior, falamos da harmonia monocromática. Clique aqui, caso você tenha perdido! wink

Harmonia por contraste

 

Quando falamos em contraste na decoração, conseguimos pensar em várias coisas. Pensamos na mistura de estilos em um mesmo ambiente, como o estilo rústico encontrando o clássico. Móveis de linhas retas e minimalistas encontrando outros acessórios com linhas arredondadas ou rebuscadas… Enfim, o contraste está presente em um ambiente nas mais diferentes formas.

Entretanto, quando falamos sobre harmonia das cores por contraste, nos transportamos para aquele círculo das cores mostrado aqui no primeiro post da Série. Os tons chamados contrastantes são aqueles que se encontram em posições completamente opostas nesse círculo, como o amarelo e o roxo.

No entanto, uma composição vai harmonizar as cores por contraste de inúmeras maneiras diferentes. Como utilizando o equilíbrio entre duas cores de temperaturas diferentes… Como você pode ver na imagem abaixo: cor quente com cor fria em plena harmonia.

Outro exemplo muito utilizado e fácil de perceber em um ambiente é a combinação feita pelo uso de cores contrastantes, isoladas por linhas neutras. Os tons mais usados para transmitir neutralidade são o preto e o branco.

Perceba que a combinação de claro e escuro também causa um contraste em um ambiente. E, na maioria das vezes, usar essa estratégia é ter o acerto garantido:

(Imagens: Color Collective, Casa.abril, Google Imagens)

E você, que contrastes harmônicos consegue visualizar na sua casa?