Minha casa, Minha cara

Quando decoramos as áreas internas da nossa casa com plantas, trazemos para perto um pouquinho do frescor e da beleza da natureza. E elas servem não só para embelezar o nosso lar, como também para dar mais alegria a nossa rotina. Por demandarem atenção constante, as plantas nos forçam a fazer paradas obrigatórias na correria do dia a dia; funcionam como pequenos lembretes de que parar para respirar é preciso. Por isso cultivar as verdinhas em casa é totalmente indispensável: elas fazem um bem danado para você e para sua casa.

(Via)

A planta que resolvemos mostrar hoje é bastante usada para decorar áreas externas. Grande e bonita, a palmeira chama a atenção em todos os lugares que aparece e muitas vezes é associada a bom gosto, tropicalidade e elegância.

(Via)

E por mais que muitos a utilizem em jardins, varandas e áreas da piscina, elas não são exclusividade dos espaços externos. Existem muitas espécies da planta que vão super bem decorando as áreas internas da casa, plantadas em vasos grandes e charmosos. Elas podem virar o centro das atenções em salas de estar, churrasqueiras e salas de jantar, garantindo textura e vida nova para os mais diferentes espaços.

(Via)

Espécies como a Araurí, Aricanguinha, Camedórea-bambu, Camedórea-elegante, Licuala e Palmeira-fênix são perfeitas para a decoração de áreas internas. Isso porque são muito resistentes ou têm como habitat a subfloresta, ou seja, naturalmente adaptadas a meia sombra.

(Via)

A Palmeira-rápis e a Palmeirinha-de-touceira também são ótimas apostas para decorar interiores. Apesar de poderem ser cultivadas a meia sombra, todas as palmeiras deverão decorar espaços contemplados por janelas, para receberem uma quantidade mínima de luz natural e se desenvolverem fortes e sadias.

(Via)

Outro cuidado indispensável para palmeiras cultivadas dentro de casa é a escolha do vaso: ele deve ser adequado ao tamanho do torrão para que a planta possa receber uma boa quantidade de substrato. Ao serem plantadas em vasos, as palmeiras tendem a crescer menos, não ultrapassando mais do que 3 m de altura.

(Via)

Tenha um cuidado dobrado com a plantinha que você trouxe para os interiores do seu lar: ela com certeza demandará mais atenção do que se estivesse no jardim. Para sua palmeira se desenvolver de forma saudável e longe dos fungos, forneça um solo rico em matéria orgânica e regas que podem ser de uma a três vezes por semana. Limpe as folhas de sua plantinha com frequência e previna a aparição de pragas e doenças com o uso regular de óleo de nim.

(Via)

Você teria uma palmeira dentro de casa?

3 Comentários

  1. eu acho linda uma sala decorada com uma palmeira. pena que minha sala não tem janela, não bate sol, só recebe o calor.