O color block, assim como a renda e o estilo navy, é uma forte tendência das passarelas que pode ser facilmente adaptada para a decoração e o design de interiores. É aquele momento em que moda e decoração se encontram e se misturam, oportunidade ótima para a gente poder treinar nossa criatividade no dia a dia e inventar novas montagens para espantar a mesmice.

(Google)

Sabe essa combinação supercolorida acima? Então, este é o color block. É quando misturamos diferentes cores vibrantes em uma mesma composição, buscando sempre uma harmonia. É uma montagem com “blocos de cor”, que traz muito mais energia e vida ao ambiente.

(Google)

Isso quer dizer que, a partir de agora, você pode libertar a doida-das-cores que existe em você à vontade. Esta tendência é a favor do alegre e do diferente, desculpa perfeita para você que sempre quis deixar sua casa mais colorida:

(Achados de Decoração)

Para fugir do erro, você pode usar o color block para dar destaque e beleza a uma decoração mais neutra. Um ambiente com o preto ou o branco predominando, por exemplo, pode receber uma quebra com um pufe turquesa ou uma mesa de centro amarela.

(Fashionismo)

(Freshome)

Caso você goste de arriscar, é só se lembrar do que viu aqui na nossa Série MMM: cores na decoração. ;D

Cores complementares, como amarelo, azul e laranja, vão superbem juntas. E as análogas, como amarelo e laranja, também são opções seguras para um ambiente bonito e em equilíbrio:

(Google)

Móveis da Meu Móvel de Madeira para um color block na decoração:

Caixa organizadora Extreme Verde Limão
Cadeira Lapa Roxa
Estante Extreme Amarela
Pufe Ecológico Vermelho
Cavalete da Linha Libro cor Turquesa

 

E aí, bora experimentar cores mais vibrantes?
O que você acha dessa tendência?

11 Comentários

  1. Nem sei como explicar…amei tudo…na verdade minha casa é bem colorida!!! Amei o espaço, e amei saber que existe gente bem parecida comigo por aqui!!!

  2. Pingback: Desafio Vestindo o Biombo | Minha casa, minha cara

  3. Pingback: Inspiração do dia: Azul Klein | Minha casa, minha cara

  4. Pingback: Simplichique » Blog Archive 50 Tons de Cinza

Deixe seu comentário ;)